Micropênis – O que é? Tem solução? Porque acontece?

Você sabia que alguns homens podem ter o órgão genital muito pequeno? Essa condição é chamada de micropênis e afeta muitos homens não somente no Brasil, mas no mundo inteiro.

Alguns fatores podem ajudar a desenvolver a condição, que muitas vezes é vista como um problema por alguns deles. A maioria dos homens acha que sua masculinidade está ligada ao tamanho do pênis. Outros sentem vergonha de se relacionar sexualmente com alguém por causa do tamanho de seu órgão.

Muitos deles recorrem aos melhores remédios para aumentar o pênis, outros procuram conviver com o problema.

Se este assunto te interessa, então continue lendo e saiba mais sobre este assunto.

O que é micropênis?

O micropênis é uma condição considerada rara, embora atinja muitos homens hoje em dia. É um problema que já nasce com a criança. Essa condição pode afetar um menino a cada duzentos.

O micropênis acontece quando uma criança nasce com o pênis muito pequeno. Isso significa que o pênis da criança não alcança os 2,5 de desvio de padrões. Além disso, é considerado micropênis quem tem um pênis menos que 4 cm na fase flácida ou não ultrapassa os 7,5 cm na fase ereta.

Mesmo o pênis sendo tão pequeno, o homem não tem problema de ereção ou qualquer outro, que seja associado ao tamanho. Tudo funciona normalmente.

Essa condição está ligada a problemas hormonais ou genéticos. É um problema que pode acontecer com qualquer criança, não há como prevenir.  

Existe uma razão para a origem?

A razão mais satisfatória que há é o nível de produção de testosterona no decorrer do segundo ou terceiro trimestre da gravides. Algumas questões genéticas também podem influenciar.

Para quem não sabe, a testosterona é o principal hormônio responsável pelo desenvolvimento dos órgãos genitais masculinos. Quando os níveis são baixos durante a gravidez, é comum que a criança nasça com esse problema.

Existe algum tratamento?

Existe sim! O tratamento mais recomendado é a injeção com testosterona. Esse tratamento acontece ainda na infância ou durante a adolescência, quando fica confirmado os baixos níveis desse hormônio. Alguns rapazes conseguem reverter o problema e ter seu órgão sexual desenvolvido.

Mas também há o tratamento com suplementos que contribuem para o crescimento do pênis. Além dos suplementos, também tem tratamento com bombas a vácuo e exercícios, no entanto, esses dois últimos, os resultados não são comprovados.

Além disso, há também a cirurgia para reconstrução do órgão, quando o paciente já é adulto e sem sucesso nos tratamentos anteriores.

Quais os problemas isso pode causar?

Os problemas acontecem geralmente na fase infantil e na adolescência, já que o menino ou rapaz geralmente fica muito apreensivo com o tamanho que não cresce. Isso pode gerar revolta, ira, uma crise de ansiedade e depressão. Por isso, muitas vezes é necessário que o afetado tenha um acompanhamento psicológico.

Qualquer homem pode sofrer com essa condição?

Sim, qualquer homem pode sofrer dessa condição, mas é um problema que pode ser detectado ainda na fase infantil. Neste caso, o tratamento pode ser realizado ainda cedo, podendo trazer resultados satisfatórios.

LEAVE A COMMENT